Você está aqui: Entrada CIAB

CIAB

http://www.ciab.pt/

 

 

O CIAB - Centro de Informação, Mediação e Arbitragem de Consumo é um meio alternativo de resolução de conflitos prestado gratuitamente aos consumidores e aos agentes económicos com a intenção de mediar litígios resultantes da aquisição de bens e serviços.

Nos termos do art. 1º do Regulamento Interno, o CIAB tem por objectivos primeiros «a informação aos consumidores e aos profissionais sobre o mercado de produtos e serviços, e também sobre os seus direitos e deveres» e «a regulação de conflitos de consumo, através da mediação, conciliação e arbitragem».

Qualquer pessoa interessada pode recorrer aos serviços do CIAB por telefone, pela internet, por carta ou pessoalmente.

Os pedidos de informação e as reclamações são encaminhadas para um jurista, que, além de responder aos pedidos de informação, procura resolver o processo de reclamação através de mediação.

Caso a mediação não resulte, ou seja, caso não haja acordo entre as partes, o processo será preparado para a conciliação e arbitragem, desde que ambas as partes aceitem a intervenção do tribunal arbitral, dispensando a intervenção de um advogado.

Este centro – cuja área de influência se estende a 13 municípios da região: Amares, Arcos de Valdevez, Barcelos, Braga, Esposende, Montalegre, Melgaço, Monção, Ponte da Barca, Póvoa de Lanhoso, Terras de Bouro, Vieira do Minho e Vila Verde – é constituído por um juiz-árbitro, um director executivo, dois juristas e duas técnicas administrativas.

 

http://www.ciab.pt/

 

Artigo de Opinião I

Artigo de Opinião II

Artigo de Opinião III

Rede de Apoio ao Consumidor Endividado I

Rede de Apoio ao Consumidor Endividado I

Criar um negócio: Sim ou Não ?

Novas regras do Crédito Habitação na União Europeia

 

Atendimento prioritário das pessoas idosas, das grávidas e das
pessoas com deficiência ou incapacidade

Atendimento prioritário das pessoas idosas, das grávidas e das pessoas com deficiência ou incapacidade

Conceitos Financeiros

Novas regras para as fidelizações nos contratos relativos a comunicações eletrónicas